10 dicas para deixar em dia a saúde bucal do seu cachorro

Manter seu cão saudável inclui também dar uma atenção especial em sua higiene bucal. O que inclui cuidar dos dentes do seu cão e até mesmo oferecer uma dieta saudável, pois a junção desses dois hábitos, pode diminuir drasticamente o surgimento de problemas bucais no futuro.

Como, por exemplo: perda de dentes e outras infecções dolorosas. E acreditamos que você quer evitar isso ao máximo, não é mesmo? Sendo assim, confira as 10 dicas para deixar sempre em dia a saúde bucal do seu cachorro:


1. O Teste de Respiração

O mau hálito pode ser um sinal comum de doença bucal em seu cão. Porém, é natural que o hálito do seu cão, na maioria das vezes, não seja muito agradável. Mas se o hálito do seu cão está com um cheiro desagradavel intenso, pode ser sinal de alguma doença periodontal ou dentes em decomposição.

2. Check-Up da boca

Verificar as gengivas e os dentes do seu cão com frequência ajudará você a se prevenir de possíveis problemas e, consequentemente, desconfortos. É importante verificar se as gengivas estão rosadas. Se estiverem brancas, vermelhas ou inchadas, é recomendável agendar uma visita ao seu veterinário de confiança.
 

3. Sinais de Doença Bucal

A doença dental pode causar muita dor em seu cão. Após anos de acúmulo de tártaro, placa bacteriana e bactérias, seu cão pode ter uma infecção, inflamação ou cárie dentária.

Os cães geralmente não apresentam dor, por isso pode passar despercebido. Se o seu animal de estimação está cada vez mais irritável e letárgico e não quer comer, pode ser um sinal de que ele tem alguma doença bucal.
 

4. Informações sobre a cárie dentária

A cárie dentária pode acontecer ao longo do tempo. Começa com o acúmulo de placa e endurecimento em tártaro. O tártaro não tratado e o acúmulo de placa abaixo da linha da gengiva podem ser difíceis de remover e danificar o dente.
 

A cárie dentária não tratada e a infecção podem levar à doença periodontal. Isso pode ser fatal para o seu cão. Escovar os dentes regularmente e cuidar da saúde bucal do seu cão pode prevenir a cárie dentária.

5. Escovação dos dentes caninos

Escovar os dentes do seu cão pode não ser algo que você sabe que precisa fazer. Mas pode ser uma ótima maneira de evitar o acúmulo de placa. Ao contrário dos humanos, você não precisa escovar os dentes diariamente. Seu cão pode não gostar de ter os dentes escovados no começo, mas criar uma rotina e deixá-los animados pode ajudar.
 

Você precisará usar uma escova de dentes de cachorro ou uma escova de dedo para a escovação. Você também precisará de creme dental específico para cães.

Evite o uso de creme dental humano, devido à toxicidade do produto químico para cães. Caso tenha dúvida sobre qual o creme dental mais indicado para seu filho de quatro patas, busque orientação do seu veterinário. Além do creme dental, ele também pode te indicar as ferramentas certas para escovar.

6. Clareando os Brancos Perolados

A parte mais importante de escovar os dentes do seu cão é remover a placa bacteriana da linha da gengiva. As dicas a seguir ajudarão você a ter a melhor experiência de escovação com seu cão:
 

  • Crie uma atmosfera calma antes de escovar.
  • Certifique-se de que seu cão está confortável.
  • Toque os dentes e gengivas do seu cão sem a escova primeiro.
  • Toque a escova de dentes em seus dentes.
  • Apresente a pasta de dente ao seu cão, deixando-o lamber os seus dedos.
  • Adicione pasta de dente a escova de dentes e comece a escovar.
  • Vá devagar e vá de frente para trás e de cima para baixo.
  • Recompense e elogie ao longo do caminho.

7. Frequência de escovação

Não é novidade que escovar os dentes é a base de uma boa saúde bucal. Então, após seu cão se acostumar com a escovação, tentar fazê-lo uma vez por dia será mais eficaz. Porque escovar uma vez por dia pode reduzir futuras limpezas dentárias do veterinário mais tarde.

8. Conheça seus distúrbios bucais

A doença dental começa cedo . Na idade adulta, muitos cães têm algum grau de problemas dentários. Os primeiros sinais de doença dental incluem mau hálito, acúmulo de tártaro amarelo ou marrom nos dentes e gengivas vermelhas e inchadas.

Perceber cedo pode ajudar a aliviar a dor do seu cão rapidamente. A doença dentária pode causar dor crônica em seu cão que pode passar despercebida.

Inclusive, problemas dentários semelhantes que acontecem em humanos podem acontecer em cachorros. Por exemplo: raízes quebrados, doença periodontal, dentes infectados ou abscessos, tumores na boca e desalinhamento dos dentes.


9. Mastigue isso

Os brinquedos de mastigar são ótimas maneiras para o seu cão aliviar o tédio e satisfazer seu instinto natural de mastigar. Roer brinquedos para mastigar é uma maneira natural de os cães limparem os dentes. A mastigação constante raspa a placa de seus dentes. Certifique-se de girar e monitorar brinquedos de mastigar seguros.

10. Dieta para Dentes Saudáveis

Não existe uma dieta perfeita para todos os cães. Seu veterinário pode ajudá-lo a determinar a dieta certa para o seu cão. Manter seu cão saudável é mais importante do que escolher ração úmida ou ração seca.

Se o seu cão tem problemas contínuos com o acúmulo de placa, existem alimentos secos para cães com fórmula especial que controlam a placa e o tártaro.

Agora que você já conhece as 10 dicas que vão ajudar a manter a saúde bucal do seu cachorro em dia. Clica no link abaixo e confira o conteúdo:

➥ Mau hálito em cães: causas e tratamento
{inserir no cta link do artigo 15}

Compartilhe nas Redes Sociais

Artigos Relacionados

CONTATO

Endereço Matriz:

Rua Cachambi, 08 - Meier – Rio de Janeiro / RJ

Email

contato@apaixonadosporquatropatas.com.br

Atendimento Telefônico

Segunda a Sexta de 8h às 20h. Sábados de 9h às 17h. WHATSAPP APX: (21) 2042-2884

SIGA A GENTE

CADASTRE-SE PARA RECEBER NOVIDADES

© 2022 | Apaixonados por Quatro Patas | Direitos Reservados

plugins premium WordPress